Home / Destaques / Wancley e técnicos da Unemat de Pontes e Lacerda buscam solução para o transporte do campus

Wancley e técnicos da Unemat de Pontes e Lacerda buscam solução para o transporte do campus

Servidores alegam gasto elevado para custear o próprio transporte, já que o campus fica na zona rural; Wancley participou de reunião com reitora da instituição  

O deputado Wancley Carvalho (PV) participou com técnicos da Unemat, do campus de Pontes e Lacerda, de uma reunião, nesta terça-feira (08), com a reitora da instituição, Ana Di Renzo, em Cáceres. O encontrou teve o objetivo de buscar alternativas para resolver o problema de transporte dos servidores.

A reclamação dos grupo está relacionada com a distância do campus da área urbana do município, são cerca de 17 quilômetros. No total, 20 técnicos atuam na Unemat de Pontes e Lacerda, e alegam preço elevado para custear o transporte, já que não há regulamentação que garante a disponibilização de um veículo adequado por parte da instituição.

Foto: Olavo de Jesus

“Quando a Unemat foi transferida, houve promessa da gestão de que técnicos tivessem transporte, junto com a comunidade acadêmica. Estamos há 17 quilômetro da cidade, na zona rural. Não há circular, nem linha de ônibus concomitante para o horário da jornada de trabalho”, desabafou Carlos Júnior, presidente do sindicato que representa a categoria.

Diante da situação, o deputado se comprometeu em reunir com prefeitos da região, já que diversos alunos são de outros municípios, e provocar um grande debate sobre o assunto, tendo em vista que a distância do campus tem gerado muitos custos e, consequentemente, insatisfação por parte dos usuários.

“Precisamos dialogar juntos, todos os entes envolvidos e afetados diretamente, para chegarmos à uma solução. Não podemos perder a Unemat em nosso municípios, e esses ruídos têm gerado um problema generalizado, tanto para os servidores como para os acadêmicos”, pontuou Wancley.

Como sugestão para o problema, os técnicos são unânimes na transferência, temporária, do setor administrativo da Unemat para o município. Na reunião, os servidores alertaram que nos próximos dias o problema vai se agravar, já que os alunos entrarão de férias, e o ônibus utilizado para o transporte dos acadêmicos não estará disponível aos servidores,. que trabalharão no período de recesso letivo.

Di Renzo concordou em trazer o assunto pra discussão, porém pediu cautela e prudência das decisão que serão ou poderão ser tomadas. “Temos muitas variantes para discutir; sobretudo as mudanças necessárias para dar melhores condições de acessibilidade e interesse nos cursos disponíveis”, finalizou.

Fonte: Eduardo Cardoso | Foto: Olavo de Jesus

Curta a nossa PAGINA e fiquem ligados nas últimas NOTÍCIAS e EVENTOS!
Scroll To Top